Yesterday

“Yesterday”- Idem, Reino Unido, 2019

Direção: Danny Boyle

Ninguém prestava muita atenção a Jack Malek (Himesh Patel) quando ele cantava nas ruas da cidadezinha à beira mar, Clocton-on-sea, na Inglaterra ou no restaurante pequeno onde todos falavam alto, não importa qual música ele cantasse.

A única que via talento nele era sua antiga colega de escola, Ellie (Lily James, a gracinha que foi “Cinderela”). Desde sempre apaixonada por Jack, não nutria muitas esperanças de um romance entre eles porque ele a tratava como amiga.

E tudo corria sempre igual, Jake trabalhando na loja de alimentos e cantando nas horas vagas, sem estímulo, até aquela noite mágica. Jack voltava para casa de bicicleta quando aconteceu um blackout mundial que durou segundos, mas tempo suficiente para que ele fosse atropelado por um ônibus.

Todo quebrado no hospital e sem dois dentes, Jack parecia mais miserável do que nunca. Foi aí que ele fez uma piada para Ellie que o visitava:

“- Will you feed me when I’m sixty four?” e ela não entendeu.

“ – Por que 64?”

Ele achou estranho. Como não reconhecer um verso de uma música tão conhecida?

Mas quando cantou para ela e os amigos mais íntimos, no violão que Ellie tinha dado de presente para ele, “Yesterday”, é que ele começou a entender o que estava acontecendo.

“- Que linda essa música! Você compôs?”

“- Claro que não! É “Yesterday” dos Beatles.”

E a cara dos amigos mostrou que era a primeira vez que ouviam essa canção. Parece que algo muito estranho acontecera naquela noite do acidente.

Jack procurou na internet e nem sombra de Paul, John, George e Ringo. Só achava besouros.

“Será possível?” pensou ele.

E daí em diante a vida dele começou a mudar.

Danny Boyle dirigiu e Richard Curtis escreveu o roteiro  dessa comédia romântica diferente das outras.

Não é açucarada mas quem viveu os anos 60 fica com um nó na garganta ao ouvir as músicas que encantaram uma geração e todas as que vieram depois dela. Dá muita saudade.

A Beatlemania não acabou quando eles se separaram. Todo mundo sabe disso. Ditaram moda, mexeram com os costumes, eram unanimidade. Vieram para ficar.

“Yesterday”, o filme, talvez pudesse ter um pouco mais de questionamento sobre a desonestidade do roubo das músicas, mas acho melhor ver o filme como uma fábula sobre o sucesso e o amor verdadeiro.

Um conto de fadas. Um sonho de Jack no hospital quando estava muito mal.

Vá se emocionar e quem sabe deixar uma lágrima rolar quando você ouvir “Yesterday” cantado por Himesh Patel, sucesso estrondoso nas lojas de música virtuais. Não é cover. É o garoto de pais indianos que canta bem e é bom ator ainda por cima.

Este post tem 2 Comentários

  1. Regina Ferro disse:

    Comentário perfeito Eleonora …é deixar fluir a emoção de ouvir as músicas maravilhosos que os Beatles nos deixaram …sentir a emoção e sair leve do cinema …quer coisa mais gostosa???? Bjss querida …sempre perfeita nas suas colocações…

Deixe seu comentário

Obter uma imagen no seu comentário!